Ao Vivo
 
 
Siga ao vivo

Comunicação

Ancine: novos editais lançados e segunda etapa do Ancine + Simples

Ancine: novos editais lançados e segunda etapa do Ancine + Simples

A Ancine apresentou na quinta-feira, dia 18, a segunda etapa do Plano de Qualificação da Gestão de Financiamento – Ancine + Simples e a Instrução Normativa de Investimentos, IN nº 133. Também foi anunciado o lançamento de quatro chamadas públicas do Programa Brasil de Todas as Telas que, juntas, vão investir R$ 192,3 milhões no setor audiovisual.   Foram apresentados os cinco eixos da nova fase do Plano Ancine + Simples: o sistema integrado de financiamento; o sistema de acompanhamento de projeto; a gestão financeira; a unificação das regras do Suporte Automático; e a transparência.   Foi apresentada a revisão da Instrução Normativa nº 133, que completa a simplificação no que diz respeito à gestão financeira. A IN de Investimentos facilita a regulamentação da gestão dos recursos derivados dos benefícios fiscais previstos pelos artigos 3º e 3ºA da Lei nº8.685/93, e pelo art. 39, inciso X, da Medida Provisória nº 2.228-1/01.   Novos editais – No dia 22 de maio, serão abertas as inscrições para a quinta edição do edital Prodav 3/2017 – Núcleos Criativos, no valor de R$ 14 milhões. Serão selecionadas 14 novas propostas de núcleos criativos, projetos que reúnem profissionais de criação e roteiristas com a finalidade de desenvolver roteiros de filmes, séries, programas e formatos para televisão. As inscrições vão até 07 de julho.   Outras três chamadas abrem inscrições no dia 22. Até o dia 7 de julho será possível se inscrever na linha de desempenho comercial do Sistema de Suporte Automático do Programa Brasil de Todas as Telas, a Chamada Pública Prodav 6/2017. Por meio de um sistema estruturado em três módulos (produção, distribuição e programação), serão disponibilizados R$ 100 milhões, em recursos do Fundo Setorial do Audiovisual, para empresas produtoras brasileiras independentes, distribuidoras brasileiras atuantes no mercado de salas exibição e programadoras de televisão atuantes no serviço de acesso condicionado ou de radiodifusão.   No âmbito do Projeto Cinema da Cidade, do Programa Cinema Perto de Você, a Ancine convoca os governos estaduais a uma ação conjunta para a construção de salas de cinema em municípios sem esse serviço. Serão investidos R$ 8,3 milhões do FSA e os governos estaduais interessados devem comprometer-se com uma contrapartida mínima de R$ 2 milhões.   Seguindo com a proposta de nacionalização do audiovisual, foi anunciada a abertura das inscrições para a Chamada Pública Ancine/FSA 01/2017 – Arranjos Financeiros Estaduais e Regionais. Com o edital, o Programa se propõe a financiar, de forma complementar, com recursos do Fundo Setorial do Audiovisual, projetos audiovisuais independentes selecionados em editais promovidos por órgãos e entidades da administração pública estadual, do Distrito Federal e das capitais das Regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sul e dos Estados de Minas Gerais e Espírito Santo. Para esta linha estão previstos investimentos na ordem de R$ 70 milhões.     Signis Brasil/Tela Viva
Sá Leitão Filho é diretor da Ancine

Sá Leitão Filho é diretor da Ancine

Sérgio Henrique Sá Leitão Filho volta a dirigir a Agência do Cinema, onde já participou da diretoria colegiada da Ancine em 2008. Cotado para a presidência, foi nomeado nessa segunda-feira, dia 15, pelo presidente Michel Temer, apenas para exercer o cargo de diretor, para o mandato de quatro anos.   O nome para a presidência, ainda a ser sabatinado pelo Senado Federal, é o do atual secretário-executivo do ministro da Cultura, Roberto Freire, o cineasta de 77 anos João Batista de Andrade, que tem em sua bagagem o longa “O Homem que virou Suco”.   Sá Leitão Filho já foi secretário de Cultura do Rio e presidente da RioFilme.     Signis Brasil/Tele Síntese