Defensor dos direitos humanos, destacadamente na luta contra o tráfico de pessoas e exploração sexual de menores, e de uma sociedade fundamentada na justiça social – batalhas que já lhe custaram inúmeras ameaças de morte - Dom José recebe nesta segunda-feira (23) da Universidade Federal do Pará (UFPA) a outorga do título de Doutor Honoris Causa.

Agostiniano, espanhol de Pamplona, Dom José Luiz Azcona Hermoso chegou como missionário ao Arquipélago do Marajó em 1985. Dois anos depois, foi nomeado bispo pelo Papa João Paulo II e assumiu a Prelazia do Marajó.

Em declaração à Rádio Vaticano, Dom José Luiz Azcona Hermoso afirma que mais do que um reconhecimento pessoal, esta outorga levanta um questionamento a ser refletido sobre o papel das Universidades na América latina e, de modo especial, na Amazônia: São elas instituições que servem à sociedade com qualidades éticas e humanas para determinar o desenvolvimento integral, de que a Amazônia tanto necessita? Ou uma forma de prosseguir o elitismo, uma área para privilegiados nesta sociedade, que continua precisando de igualdade, fraternidade e autêntica paz?

Este título que Dom José recebe é considerado o mais alto dos graus universitários, o título é concedido a personalidades que se destacaram pelo saber ou pela atuação em prol das Artes, das Ciências, da Filosofia, das Letras ou do melhor entendimento entre os povos.