O Vaticano divulgou nesta terça-feira, 10, a programação da próxima viagem do Papa Francisco, que será a Mianmar e Bangladesh de 28 de novembro a 2 de dezembro.

A primeira etapa da visita será em Mianmar. A chegada do Papa ao país está prevista para as 13h30 (hora local) no aeroporto de Yangon, onde haverá uma acolhida oficial. A programação começa na terça-feira, 28,  quando o Papa segue para Nay Pyi Taw, onde participará da cerimônia de boas vindas no Palácio Presidencial, com visita de cortesia ao presidente (16h, hora local) e o encontro com os conselheiros de Estado e Ministros dos Assuntos Externos, às 16h30. 

Francisco concluirá as atividades do dia com o encontro com as autoridades, a sociedade civil e o corpo diplomático, às 17h15 (hora local) no International Convention Centre. Após o encontro, o Papa se dirigirá ao arcebispado.

Na quarta-feira, 29, a primeira celebração eucarística presidida por Francisco, em Mianmar, será às 9h30 (hora local) no Kyaikkasan Ground.
Às 16h15, o Santo Padre se encontrará com o Conselho Supremo “Sangha” dos monges budistas no Kaba Aye Centre e às 17h15 com os Bispos de Mianmar na Catedral de St. Mary.

No dia seguinte, 30, o Papa presidirá a Santa Missa com a juventude na Catedral de St. Mary às 10h15 e às 12h45 se despedirá de Mianmar rumo a Bangladesh.

Bangladesh

A chegada do Papa a Bangladesh será às 13h05 (hora local) do dia 30 de novembro. No aeroporto internacional da capital Daca, às 15h, ele participará da cerimônia de boas vindas. 

Nesse mesmo dia, às 16h (hora local), Francisco visitará o Memorial Nacional dos Mártires de Savar e logo em seguida, a homenagem ao Pai da Nação no Bangabandhu Memorial Museum, onde assinará o Livro de Honra.

A visita de cortesia ao presidente no palácio presidencial será às 17h30 (hora local), reunindo-se em seguida com as autoridades, a sociedade civil e o corpo diplomático do país. 

A primeira Missa com o Papa em Bangladesh será no dia 1º de dezembro, às 10h (hora local) no Suhrawardy Udyan Park. Essa celebração terá ordenação presbiteral. Na parte da tarde, o Pontífice receberá a visita do Primeiro Ministro na Nunciatura Apostólica e fará uma visita à Catedral, à Casa dos Sacerdotes Idosos e se encontrará com os bispos de Bangladesh. 

Ainda no dia 1º, encerrando o dia de atividades, o Santo Padre participará de um encontro inter-religioso e ecumênico pela paz no Jardim do Arcebispado (às 17h, hora local).

Já no dia 2 de dezembro, último dia de sua estadia no país, Francisco fartá uma visita privada (às 10h, hora local) à Casa Madre Teresa de Tejgaon. Depois, terá o encontro com os sacerdotes, religiosos, consagrados, seminaristas e noviças na Igreja do Santo Rosário.

Às 11h45 (hora local), o Papa visita o cemitério paroquial e a antiga Igreja do Santo Rosário. Às 15h20, participa do Encontro com os Jovens no Notre Dame College de Daca, concluindo assim a 20ª Viagem Apostólica internacional de seu Pontificado.

O avião papal deve partir do aeroporto internacional de Daca por volta de 17h05 (hora local), e chegar ao Aeroporto de Ciampino, em Roma, às 23h do mesmo dia.

Essa será a quarta viagem de Francisco nesse ano de 2017 e a primeira de um Papa a Mianmar. Já Bangladesh recebe um Pontífice pela segunda vez: De 19 de novembro a 1º de dezembro de 1986, o país recebeu a visita do Papa João Paulo II.